A marca alemã Edeka de supermercados é craque em propaganda emocional. Neste filme, um garoto quer escapar da cidade onde todos comem igual e são obesos, inclusive ele. Emagrece comendo frutinhas e foge voando, feliz.

O filme se chama “Die geschichte von Eatkarus“, ou seja, “A história de Eatkarus”, um jogo de palavras com “eat” de “comer” e  “Ícaro” do grego que queria voar. A campanha assina “Iss wie der, der du sein willst,” ou seja,  “Coma como a pessoa que você quer ser”.

Elogiado por combater a obesidade e os maus hábitos alimentares e criticado por satirizar a obesidade, a campanha viralizou e já chega a mais de 8 milhões de engajamentos nas mídias sociais e YouTube, segundo matéria no Daily Mail.

“É discriminação. Antes que se perceba, logo estarão satirizando pessoas com deficiência física,” reclamou um leitor na web.

Felizmente, no entanto, a aprovação do público europeu e dos profissionais da saúde e nutrição é muito maior do que a crítica politicamente correta, informa o Business Insider. Além do filme, uma página da campanha na Web ensina receitas, mostra vídeos de alimentação, dá dicas para emagrecer e oferece uma calculadora de massa corporal.

A marca Edeka é mais  conhecida por suas campanhas natalinas com forte apelo emocional. Recentemente escrevi sobre ela, cujo filme foi um dos mais aclamados no último Natal. “E a campanha de Natal mais querida é…“.


(*) Jurandir Craveiro é planejador de marca e comunicação. Foi fundador da agência NBS. É presidente do Conselho Diretor do Instituto Socioambiental, vice-presidente do Grupo de Planejamento (GP) e autor do Blog do Jura.