edulorenzi


Qual seu nome completo?

Eduardo Lorenzi Paiva de Carvalho.

Qual seu apelido?

Edu Lorenzi ou, simplesmente, Edu.

Qual seu cargo oficial no trabalho?

VP de Planejamento na Publicis.

Como você contaria para sua mãe o que faz profissionalmente?

Minha mãe trabalhou 23 anos na Casa Cor como Diretora de Franquias e Diretora Comercial. E meu pai foi Diretor de MKT de grandes marcas como Kibon, Revlon, Açúcar União e Black&Decker. É mais fácil eles me ensinarem o que o planejamento faz do que o inverso. Meu pai me ensinou os 4 P’s do Kotler quando eu tinha 13 anos.

E como você descreve tecnicamente o que faz?

Eu ajudo a criação, a mídia, o atendimento, o RTV, a produção e o cliente a fazerem um trabalho melhor, mais profundo e mais consistente.

Por favor, escreva em uma sentença o que você geralmente está fazendo em cada um desses horários de um dia útil comum.

09:00 – Chegando na agência ou chegando no cliente.

11:00 – Reuniões internas (com a criação, com a mídia, com o Hugo etc.) ou reunião no cliente.

13:00 – Almoço, ou perto da agência + café na Starbucks ou com algum cliente.

15:00 – Vendo algum trabalho da minha equipe e debatendo sobre ele.

17:00 – Botando a mão na massa, construindo algum keynote, escrevendo um esqueleto de apresentação etc.

19:00 – Num dia tranquilo, indo embora. Num dia agitado, começando uma reunião.

21:00 – Jantando na frente da Netflix. Aliás, agora que acabei House of Cards, Demolidor e Marco Polo, preciso de um novo vício. Sense8 é um forte candidato.

Se você tivesse que abandonar seu emprego/trabalho neste exato momento, o que deixaria de acontecer no trabalho como consequência disso?

Todo mundo é especial mas ninguém é insubstituível. Saí da NeogamaBBH depois de 10 anos e o planejamento, criação, mídia e atendimento estão lá, firmes e fortes. Talvez até melhores.

Qual foi a coisa mais interessante que você fez profissionalmente nos últimos 30 dias?

Rodar a noite de SP junto com o Mkt e Trade Mkt da Heineken, visitando diferentes modelos e formatos de bares, baladas e restaurantes.

E qual foi a pior coisa que você teve que fazer profissionalmente nos últimos 30 dias?

Ter que explicar pros meus 2 filhos que tinha que passar na agência pra revisar a apresentação de um pitch, em pleno Dia dos Pais.

Quem é a pessoa que se senta ao seu lado?

Na frente: Miriam Shirley (VP de Mídia). Do lado direito: Kevin Zung (Diretor Geral de Criação). Atrás: o CEO Hugo Rodrigues (mas separado por um vidro!). Do lado esquerdo: a vista pro Parque do Povo.

O que você está vestindo hoje?

Sapato social, jeans e camisa.

Que conselho você daria pra alguém que esteja almejando seu posto atual?

Não tenha medo de nada nem de ninguém. O pior que pode te acontecer é ser demitido. Aí é só arrumar outro emprego.

Sempre dê suas opiniões. Se forem boas você cresce, se forem ruins você enriquece seu critério.

Faça as coisas antes de te pedirem. Não perca nenhuma chance de ajudar a agência ou o cliente.

Tente resolver todos os problemas que te trouxerem. Não é porque o problema não é seu que a solução não pode ser sua.

Deixe a vaidade em casa e seja generoso com as pessoas. Você está aqui para ajudar elas e não pra brilhar sozinho.

E, especificamente se você quer trabalhar na Publicis, venha pilhado e com a faca no dente.

O que você gostaria de ter sabido antes de começar sua carreira?

Na verdade, nada. Tem coisas que, se eu soubesse antes, não teria quebrado a cara e nem aprendido nada.


A DAY IN THE LIFE é uma versão brasileira da sessão criada pelo site do APG-UK.